segunda-feira, abril 23, 2007

Chora coração...


Chora um triste coração...
Em silêncio e desesperado,
Que faço? Que digo?
Sinto tudo despedaçado.
Dentro de mim...
Falta-me a luz,
As estrelas, o luar,
Os sonhos, as alegrias,
O brilho no meu olhar.
Falta-me um pedaço,
O colo da minha mãe,
Um beijo, um abraço,
Eu procuro e não vem.
Sou uma pétala caída...
Sem força para se erguer,
Caída no fundo do poço,
Sem vontade de viver.
A alma parece morrer...
O coração não esquece,
Adormeci na estrada...
Sem rumo, sem nada!

34 comentários:

Maria disse...

Querida Amiga

Tenho dias em que me sinto assim, com um nó na gargante ou um soco no estômago.
Acho que consigo perceber-te. A esta distância, apenas te posso oferecer um ombro (virtual), mas um ombro.
Não sei que te possa dizer mais, se te apetecer põe uma música, bebe um chá, ou algo mais forte, e vai descansar.
Às vezes uma boa noite de sono retempera...

Beijinhos (não perfumados)

mago dos sonhos disse...

Saudações!

Alma querida, continuas a divagar pelo mundo da tristeza, pensei que estivesses melhor, mas ao ler estas sentidas palavras, reparei que em nada te sentes melhor. Que a força da lua, encha o teu coração de luz e vida. Anima-te amiga. O Mago, aqui repousou.

Sonhos Mágicos

Escorpiana Explosiva disse...

lindo poema acho q todo ser humano passa por uma situação dessa de as vezes se sentir muito só mesmo sabendo q existem muitas pessoas q lhe rodeiam,se me permitir gostaria de copiar esse poema para colocar no meu blog um dia pois esse poema mexeu muito comigo hoje ele chegou na hora em q eu me sentia tão só.abraço.

Sei que existes disse...

Não sei que te diga... Achei o teu poema tristemente lindo!...
Mando-te um beijo e um abraço

Zalinha disse...

Nenhum caminho é longo demais quando um amigo nos acompanha.

Com este pensamento deixo tb meu beijo e meu sorriso:9

Utzi disse...

Um poema triste, mas lindo... :)

Beijinhos

Márcia disse...

Não chores...
Que tristeza transmites através desse lindo texto... quanta sensibilidade...


Beijinhos

Broken disse...

Um texto translúcido onde me revejo em cada palavra.

Bjinho

Plum disse...

Triste e belo...será uma contradição!Gostei da cor do texto!Verde, cor da Esperança!!!!!

zeze disse...

Olá Cacharel

Como vai o jardim a beira mar?
Nessas tuas lindas palavras vê se encontras alguma solução no meu post novo...

Beijoka

Op.Louca disse...

Enquanto as lágrimas te correrem, é mais uma flor que regas, que nasce com sentimento, e com o carinho com que é regada!

E nesse teu silêncio é mais uma flor que brota, à espera de ti!

Beijinho Sentido

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu anjo,

Gostei muito destas tuas palavras, mas vejo e sinto que permanece em ti uma dor que eu gostaria de atenuar, como não sei, mas estarei sempre a teu lado mesmo em espirito para te ajudar.
Desejos de bom fim de semana e uma semana cheia de paz.
Bjokas mil e xi - corações.

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu anjo,

Estou aqui novamente para te pedir uma coisa, vai lá no meu cantinho, tens lá uma coisa para ti.
Bjokas mil e xi - corações.

collybry disse...

À dias que tudo é como que escuridão que nos envolve, que seja só um momento...bjca doce

Anônimo disse...

Olá amiga linda dessa ilha tão bonita :)
Resolvi "perder-me" uns dias pelo continente, mas continuo a visitar este teu cantinho tão belo...e vejo que ainda estás triste :(
Quero deixar-te um beijinho grande e pedir-te apenas uma coisa... independentemente de todas as contrariedades NUNCA DESISTAS DE SER FELIZ!!

Hoje ficam beijos de carinho de Lisboa pra ILHA.
Hugo

Vera disse...

Minha querida amiga, o teu poema está lindo, mas tão triste que me apertou no coração...
Espero que estejas bem, se precisares de mim estou aqui, sabes isso, né?

Mil beijos

Fátima disse...

Triste mas belo o teu poema. Em momentos de escuridão, não te esqueças que o "Sol nasce amanhã"!

Mtos bjinhos! :)

o alquimista disse...

Olá querida passei para dizer-te apenas que...gosto muito de ti...


Doce beijo

Secreta disse...

Por vezes , a tristeza bate à nossa porta e custa a querer ir embora ...
Beijito.

Márcia disse...

P´ra quê chorar?!!!
Nada muda com as lágrimas...
Ama e sê feliz...


Beijinhos

Maria disse...

Passei para ver se estavas mais animada...
ou se havia novidades....

Deixo-te um beijo de bom fim de semana

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Que tristeza amiga :( Estás triste enão gosto de te ver assim :(
Ha dias assim... em que parece que tudo esmorona atras de nos... e nos apenas temos de ter força para continuar!

Força amiga!

=^.^=

o alquimista disse...

Olá querida amiga, estava eu para aqui a escrever uma teatrice e...deu-me uma saudadesinha de ti...


Doce e terno beijo

*madrugada* disse...

MAS,

...que bem!...

Fátima disse...

Olá amiga! Quando puderes passa no meu blog. Bom Domingo! Bjinhos :)

Rafaela disse...

Quase acreditei
que não era nada,
ao me tratarem como nada.
Quase acreditei
que não seria capaz,
quando não me chamavam,
por acharem que eu não era capaz.
Quase acreditei
que não sabia,
quando não me perguntavam
por acharem que eu não sabia.
Quase acreditei
ser diferente entre tantos iguais,
entre tantos capazes e sabidos,
entre tantos que eram
chamados e escolhidos.
Quase acreditei
estar de fora
quando me deixavam de fora
por que...que falta fazia?
E de quase acreditar adoeci;
busquei ajuda com doutores,
mestres, magos e querubins.
Procurei a cura em toda parte
e ela estava tão perto de mim
Me ensinaram a olhar
para dentro de mim mesmo
e perceber que sou exatamente,
como os iguais que me faziam diferente.
E acreditei profundamente em mim.
E tenho como dívida com a vida
Fazer com que cada ser humano
se perceba, se ame, se admire de si mesmo, como verdadeira
fonte de riqueza.
É assim que cresço: acreditando
sou exatamente do tamanho de
cada ser humano.
E por acreditar perdi o medo de dizer, de falar, participar e até de cometer enganos.
E se errar?
Paciência continuo vivendo, e por isso aprendendo.
Porque errar é humano...

Pekena disse...

Muito bonito mesmo!!

Se tiveres 100 razões para chorar, mostra ao destino que tens 1001 razões para rir!

Boa semana :)
Bjs da Pekena***

Existe uma estrela no céu que ninguem vê senão eu! disse...

Não estas a ver bem de certeza .. ;) alegria pa ti ... muita de mim quev passe para ti

Sandecida disse...

Olá

Quantas vezes rumamos na estrada da nossa vida sem mapa q nos mostre o caminho... um atalho, uma saida... quantas vezes nos peredemos... quantas vezes sentimos a falta de aluem q possa caminhar ao nosso lado... quantas vezes queremos só um colo... quantas vezes não precisamoas nem de palavras... apenas de um carinho.... de um coolo (como eu lhe chamos)... mas nem sempre é possivel... e nessas alturas temos q ser "fortes, erguer e voltar a por-nos à estrada e continuar a esperar q ela nos traga coisas boas...

bjos sempre doces

Maria disse...

Então como estamos?

Amanhã começa nova semana, pode ser que ...
pode ser...

Beijinhos

Juℓi Ribeiro disse...

Querida amiga:

PODES TE FALTAR TUDO
mas tenho certeza
que dentro do teu coração
repleto de amor,
existe uma primavera
chegando a florir.
Uma primavera tão bela
que esquecerás
toda a tristeza
e nem te lembrarás
dos invernos passados.
Nem das lágrimas
que hoje rolam
na tua face.
Renascerás com as flores
em todos os teus desejos.
Te seguirá
a luz da esperança
e tuas lágrimas
vão se transformar
no brilho das estrelas.
PORQUE EMBORA NÃO PERCEBAS
ÉS UMA ESTRELA
GENEROSA E AMIGA
ILUMINANDO A VIDA
DOS SEUS AMIGOS.
Um abraço carinhoso.*Juli*

Pierrot disse...

O teu poema é um grito só...
Como se tratasse de alguém perdido e que procura desesperadamente um ponto de apoio...
Gostei imenso Cacharel
Espero que te encontres depressa.
Bjos daqui
Eugénio

Skin on Skin disse...

O xoração não esquece, adormece na estrada...sem rumo, sem nada! Assim me sinto nas tuas palavras! ás vezes faz bem deixar chorar o coração para limpar e pudermos ver mais longe a estrada com rumo!

Neijokas on skin

L.S. Alves disse...

Te linkei na máquina. Qualquer coisa entra em contato.
Um abraço.